setembro, 2022

24set5:00 pm7:00 pmDiário de Viagem de D. Constança da CâmaraLançamento do livro5:00 pm - 7:00 pm Largo São Domingos de Benfica, 1 — 1500-554 LisboaTipologia do Evento:Lançamento

Convite para a apresentação do livro

Ver mais

Detalhes do Evento

A obra de Pedro Urbano vai ler lançada no contexto das Jornadas Europeias do Património, no Palácio Fronteira, em Lisboa, sendo seguido de um concerto.

 

Diário de Viagem de D. Constança da Câmara, 7.ª Marquesa de Fronteira

 

Estudo introdutório, fixação do texto e anotação de Pedro Urbano.

O livro reúne os quatro volumes de diários manuscritos conhecidos e até agora inéditos, da autoria da 7ª marquesa de Fronteira, D. Maria Constança da Câmara (1801-1860), redigidos entre 1826 e 1842. Descendente do navegador João Gonçalves Zarco, filha do senhor das Ilhas Desertas, de Regalados e da Casa da Taipa, e neta materna dos condes dos Arcos, D. Maria Constança casou em 1821 com o neto da marquesa de Alorna, D. José Trazimundo Mascarenhas Barreto, 7º marquês de Fronteira, 8º conde da Torre, 8º conde de Coculim e 10º conde de Assumar.

Escrito ao longo das duas fases de exílio do casal em vários reinos europeus, causado pela adesão às ideias liberais, e continuados ainda durante a fase posterior do regresso de ambos a Portugal, estes diários abarcam um período politicamente conturbado da história nacional e europeia. Oferecem um relato vivo e colorido do quotidiano aristocrático, em contacto directo com a corte portuguesa e suas congéneres estrangeiras e revelam um olhar atento às transformações políticas, sociais e culturais do seu tempo. Escritos de forma mordaz, contundente e opinativa, estes diários apresentam uma narrativa, ora descritiva, ora introspectiva, que constitui um documento essencial para uma melhor compreensão deste período. Trata-se de um raro texto auto-biográfico de autoria feminina, que não deixará, certamente, nenhum leitor indiferente.

 

>> Inscrições <<

 

A seguir ao lançamento realizar-se-á um Concerto de Canto e Guitarra – Música na Corte de Alcipe.

A Música de Salão no Palácio dos Marqueses de Fronteira no séc. XVIII (Modinhas, Canzonette e Divertimentos), pelo Americantiga Ensemble, Mariana Castello-Branco e Valentina Idini (sopranos), Calebe Barros (barítono), Pedro Martins e Tiago Leal (guitarras), com direçcão musical do Maestro Ricardo Bernardes, que interpretam obras de Marcos Portugal, Anónimo do séc. XVIII, Cândido Inácio da Silva, José Totti, António Leal e António da Silva Leite.

No final será servido um Porto de Honra.

 

Tempo

(Sábado) 5:00 pm - 7:00 pm

Localização

Palácio Fronteira

Largo São Domingos de Benfica, 1 — 1500-554 Lisboa

Organizador

Editora Caleidoscópio e Fundação das Casas de Fronteira e Alorna

X