Virgínia Baptista vence Prémio Maria Lamas 2016

Jun 20, 2016 | Notícias

O Prémio Maria Lamas para Estudos sobre a Mulher, Género e Igualdade foi atribuído à tese “Protecção e direitos das mulheres trabalhadoras em Portugal (1880-1940)”.

O Prémio Maria Lamas para Estudos sobre a Mulher, Género e Igualdade, promovido pelo município de Torres Novas, foi atribuído a Virgínia Baptista, autora de tese de doutoramento “Protecção e direitos das mulheres trabalhadoras em Portugal (1880-1940)”.

O júri, composto por Miguel Vale de Almeida (ISCTE-IUL), Inês Brasão (IPL) e Ana Maria Brandão (UMinho), chegou a uma decisão unânime, atribuindo assim o prémio de 3 000 euros à investigadora do IHC-NOVA FCSH. A cerimónia de entrega do prémio terá lugar no dia 9 de Julho, às 16h00, no Museu Municipal Carlos Reis, em Torres Novas.

Virginia-Batista Mulheres-TrabalhadorasVirgínia Baptista (Lisboa, 1958) é licenciada em História, mestre em História Social Contemporânea e concluiu o seu Doutoramento em História Moderna e Contemporânea no ISCTE-IUL em 2013, tendo ingressado como investigadora no IHC (grupo de “Economia, Sociedade, Património e Inovação”) em 2014. Em resultado da sua tese, publicou este ano o livro “Proteção e Direitos das Mulheres Trabalhadoras em Portugal” (ICS, 2016).

A sua investigação tem-se centrado no estudo da história do trabalho nos séculos XIX e XX, com particular ênfase no papel da mulher e nas suas condições laborais.

Outras notícias

CONTACTOS

Instituto de História Contemporânea
NOVA FCSH
Av. Berna, 26 C 1069-061 LISBOA
Tel.: +351 21 7908300 ext. 1545
Email: ihc@fcsh.unl.pt

HORÁRIO

Segunda a Sexta-Feira
10.00h - 13.00h / 14.00h - 18.00h

Pesquisa

Share This
X