Cronologia

1914-08-03

A Alemanha declara guerra à França.

1914-08-04

Declaração de guerra da Grã-Bretanha à Alemanha.

1914-08-07

Declaração do governo português sobre a guerra, em concordância com o pedido do Foreing Office.

1914-08-10

Proibição, pelo governo, da elevação dos preços dos géneros alimentares para evitar a especulação.

1914-08-12

Tratado de Comércio e Navegação Luso-Britânico.

1914-08-12

Governo decreta organização e envio de expedições militares para Angola e Moçambique.

1914-08-13

A Grã - Bretanha pede autorização ao Governo português para uma força militar, britânica, atravessar o território de Moçambique.

1914-08-15

Promulgação da Lei Orgânica de Administração Civil e Financeira das Colónias.

1914-08-21

Regulamento dos Armazéns Gerais Industriais.

1914-08-21

Criação de Bolsas de Mercadorias em Lisboa e Porto.

1914-08-24

Ataque alemão à guarnição de Maziúa (Norte de Moçambique).

1914-08-26

O Banco de Portugal passa a poder emitir notas de ouro até o limite de 120 000 000$.

1914-09-11

Encontro de João Chagas com Freire de Andrade, ministro dos Negócios Estrangeiros. Discussão do estatuto de Portugal perante a guerra.

1914-09-11

Partida de expedições militares para Angola e Moçambique.

1914-09-18

Porto. Protestos contra a carestia de vida.

1914-09-19

Adiamento sine die das eleições.

1914-09-24

Criação da Junta Reguladora de Câmbios.

1914-10-01

Promulgação do decreto-lei n.º 951 relativo ao trabalho e mão-de-obra indígena.

1914-10-14

Proibição da reexportação do continente, ilhas e colónias, para o estrangeiro, de arroz, açúcar, bacalhau, cereais, legumes e medicamentos.

1914-10-16

Chegada de tropas portuguesas a Lourenço Marques.

1914-10-18

Naulila. Incidentes com tropas alemães.

1914-10-18

Inauguração da tracção eléctrica em Braga.

1914-10-19

Naulila. Primeiro incidente com tropas portuguesas e alemãs.

1914-10-22

Criação de tribunais especiais para o julgamento de crimes de rebelião.