Biografias // CABREIRA DE FARIA E ALVELOS DRAGO DA PONTE, António Tomás da Guarda (1868-1953)

CABREIRA DE FARIA E ALVELOS DRAGO DA PONTE, António Tomás da Guarda (1868-1953)
Matemático

Irmão de Tomás Cabreira, nasceu em Tavira, em 30 de Outubro de 1868 e morreu em 1953. Começou por frequentar a Escola Politécnica mas acabaria por adiar por algum tempo a conclusão do curso para se envolver mais a fundo na vida política, entre 1888 e 1891, como presidente da Junta Académica de Lisboa, primeiro-secretário da Câmara Constituinte da Academia de Lisboa, delegado da Escola Politécnica ao Congresso Académico de Coimbra e vice-presidente da Associação Académica de Lisboa. Aderiu ainda ao Partido Legitimista e foi redactor político de A Nação. No quadro ideológico defenderia a "monarquia legítima".

Foi sócio da Sociedade de Geografia de Lisboa e membro das respectivas secções de Emigração, Ensino da Geografia e da Matemática. Fundou e dirigiu o Instituto Dezanove de Setembro em (inaugurado em 19 de Setembro de 1894), concluindo, entretanto, os estudos na Escola Politécnica. Em 1899 foi nomeado professor das cadeiras de Mecânica Racional e Filosofia das Matemáticas, também no Instituto.