Biografias // BAPTISTA, Roberto da Cunha (1874-1932)

BAPTISTA, Roberto da Cunha (1874-1932)
Oficial do Exército

Nasceu em Lisboa, no dia 22 de Julho de 1874 e faleceu, em Viseu, a 17 de Setembro de 1932. Principiou a sua carreira militar em 1890 na arma de Artilharia, à qual depois juntou, em 1893, o curso de Estado-Maior. No ano seguinte partiu para Moçambique onde prestou serviço na fronteira com o Transvaal durante a guerra anglo-boer. Retornado à metrópole, em 1909 foi eleito deputado pelo Partido Regenerador Liberal e após a proclamação da República, entre 1913-14, foi chefe de gabinete do ministro da Guerra, coronel Pereira Bastos e logo de seguida, adido militar em Madrid, numa época em que as relações luso-espanholas viviam um momento delicado marcado por uma mútua desconfiança.

Novamente em Portugal foi chefe do estado-maior da Divisão Auxiliar (1915) e com a partida do Corpo Expedicionário Português para França (1917), aí exerceu as mesmas funções que repetiu aquando da constituição das forças que combateram e subjugaram a sublevação monárquica de 1919.Depois de ter comandado a 3ª Divisão e ter passado pela Guarda Nacional Republicana (1921) em Agosto de 1922 foi promovido a general, tendo então assumido o comando da 1ª Divisão até 1924. Foi depois quartel-mestre general do Exército e já em plena Ditadura Militar, em Outubro de 1928, passou a comandar a Escola Militar, cargo que desempenhou até à sua morte.