Biografias // AMORIM, Pedro Francisco Massano de (1862-1929)

AMORIM, Pedro Francisco Massano de (1862-1929)
Oficial do Exército, governador colonial

Nasceu a 14 de Janeiro de 1862 e morreu a 2 de Junho de 1929. Entrou para o Exército, tornando-se oficial de artilharia em 1883. Anos depois, acompanha Mouzinho de Albuquerque em Moçambique, dando início a uma carreira inteiramente devotada às colónias, onde viverá grande parte da sua vida e morrerá. Primeiro, em Moçambique, depois em Angola, seguindo-se uma alternância entre estas colónias e por fim na Índia. Participa em diversas expedições militares de pacificação dos territórios ultramarinos ao mesmo tempo que vai desempenhando cargos na administração colonial.

Com a eclosão da 1ª Guerra Mundial é convidado a organizar e comandar uma força expedicionária enviada, em Setembro de 1914, para o Rovuma, em Moçambique, que tem como missão proteger a colónia de uma investida alemã, pacificar a região e cooperar com as forças aliadas se necessário. Depois de uma passagem pela metrópole, toma posse, em 5 de Abril de 1916, como governador-geral de Angola, cargo que ocupa até à sua demissão em 11 de Janeiro de 1918. É nomeado depois governador-geral de Moçambique (Fevereiro de 1918) do qual se demite meses mais tarde. No regresso a Lisboa dirige os serviços militares do Ministério das Colónias.

A 16 de Junho de 1923 volta a ser nomeado governador-geral de Moçambique, donde passou à Índia também como governador.