Biografias // RELVAS, José Mascarenhas (1858-1929)

RELVAS, José Mascarenhas (1858-1929)
Presidente do Ministério, ministro das Finanças e do Interior

Nasceu a 5 de Março de 1858 e faleceu a 31 de Outubro de 1929. Licenciou-se em Letras em 1880. Pertencente ao Directório do Partido Republicano, quando em 5 de Outubro de 1910 foi implantada a República foi ele quem, das varandas da Câmara de Lisboa, anunciou publicamente tal acontecimento. No Governo provisório então constituído ocupou a pasta das Finanças.

Depois, de Outubro de 1911 a Maio de 1914, foi embaixador em Espanha. Regressado, afastou-se da política desgostoso com as lutas partidárias em que foi fértil a Primeira República, voltando apenas, por um curto período, quando após a revolta monárquica de Janeiro de 1919 aceitou formar Governo, acumulando a Presidência com a pasta do Interior (27 de Janeiro a 30 de Março de 1919).

Amante das artes, em especial da música e da fotografia, dedicou parte da sua vida a transformar a sua casa de habitação - conhecida por Casa dos Patudos - num museu através da aquisição contínua de variadas peças de arte e do alargamento e embelezamento da referida casa que, mais tarde, doou à Câmara Municipal de Alpiarça.