Investigadores // CV Susana Martins

Susana Martins
Investigador integrado | Doutorado
História Política Comparada – Regimes, Transições, Colonialismo e Memória
Áreas de Investigação

História das Oposições à Ditadura Militar e ao Estado Novo

Exílio Português na Ditadura Militar e no Estado Novo

Regimes políticos e violência política

Formação Académica

2013 - Doutorada em História Contemporânea pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, com a classificação de Muito Bom por unanimidade dos membros do júri. Dissertação intitulada Exilados Portugueses em Argel. A FPLN, das origens à rutura com Humberto Delgado (1960-1965), orientada pelo Prof. Fernando Rosas.

2002 - Mestre em História Contemporânea pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, com a classificação de Muito Bom. Dissertação intitulada A Reorganização do Movimento Socialista na Oposição ao Estado Novo (1953 – 1974).

1995 - Licenciada em História pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, com a qualificação final de Bom com Distinção (16 valores).

Actividade Profissional e Científica

Investigação

Ago a Out 2013: colaboração na definição de conteúdos da exposição permanente do futuro Museu do Aljube. Resistência e Liberdade, da responsabilidade da Comissão de Instalação do Museu / Câmara Municipal de Lisboa.

Jan 2010 a Mar 2011: investigação, selecção documental, edição de conteúdos expositivos e de catálogo e apoio ao serviço educativo da exposição A Voz das Vítimas, da responsabilidade do Instituto de História Contemporânea, da Fundação Mário Soares e da Associação Não Apaguem a Memória, com o patrocínio da Câmara Municipal de Lisboa e da Comissão Nacional do Centenário da República, patente na antiga cadeia do Aljube de Abril a Outubro de 2011.

Nov 2008 a Mai 2009: investigação, selecção documental e edição de conteúdos para a exposição Memória do Campo de Concentração do Tarrafal, da responsabilidade das Fundações Amílcar Cabral e Mário Soares. Desta resultou o catálogo Memória do Campo de Concentração do Tarrafal, 2009.

Fev a Mai 2008: pesquisa iconográfica para a exposição Campos do Sul. Memória de uma Revolução. Transformações económicas e sociais, 1974-75, da responsabilidade do Instituto de História Contemporânea.

2003 - 2006: membro da equipa de investigadores do Museu da Presidência da República.

Comissariado científico da exposição intitulada As Primeiras-Damas da República Portuguesa (1910-2005), em parceria com Elsa Santos Alípio. Investigação, selecção documental e edição de conteúdos expositivos e de catálogo.

2003 – 2004: colaboração com a Comissão para a Comemoração dos 30 Anos do Partido Socialista no âmbito da preparação de biografias de vários dos seus dirigentes.

2002 – 2005: Colaboração com As Idades dos Sabores – Associação para o Estudo e Promoção das Artes Culinárias.

 

Docência

Desde 2011: Docente na Escola Superior de Educação de Lisboa.

Desde 2009: Docente no Instituto Superior de Ciências Educativas.

 

Outra

1997 – 2002: Técnica de Descrição, Classificação e Indexação Documental no Arquivo & Biblioteca da Fundação Mário Soares.

Prémios e Distinções

Menção Honrosa do Prémio Fundação Mário Soares 2003 com a dissertação A Reorganização do Movimento Socialista na Oposição ao Estado Novo (1953 – 1974).

Lista de Projectos de investigação em curso

Co-coordenação (com Fernando Rosas, João Madeira e Luís Farinha) do projeto “Dicionário das Oposições à Ditadura”.

Lista de Projectos de investigação concluídos
Jul 2009 a Fev 2010: colaboração no projecto Tribunais Militares Especiais e Tribunais Plenários durante a Ditadura e o Estado Novo, coordenado pelo Professor Doutor Fernando Rosas (IHC – FCSH da UNL). Projecto financiado pelo Ministério da Justiça. Instituição de acolhimento: Instituto de História Contemporânea da FCSH/UNL.
Publicações Teses
Socialistas na Oposição ao Estado Novo. Um estudo sobre o Movimento Socialista Português de 1926 a 1974. Cruz Quebrada, Casa das Letras, 2005.
Publicações Livros (como Autor)

Aljube. A Voz das Vítimas, catálogo da exposição. Lisboa, Associação Não Apaguem a Memória / Fundação Mário Soares / Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa, 2011 [co-autoria].

Memória do Campo de Concentração do Tarrafal, catálogo da exposição. Lisboa / Vila Franca de Xira, Fundação Mário Soares / Museu do Neo-Realismo, 2010 [colaboração].

Memória do Campo de Concentração do Tarrafal, catálogo da exposição. S.l., Fundação Mário Soares / Fundação Amílcar Cabral, 2009 [co-autoria].

Américo Tomás. Fotobiografia. Lisboa, Museu da Presidência da República, 2006.

As Primeiras-Damas da República Portuguesa (1910-2005). Catálogo da Exposição. Lisboa, Museu da Presidência da República, 2006 [co-autoria].

Publicações Capítulos Livros

 [12 entradas] in Esteves, João e Castro, Zília Osório de (dir.), Feminae - Dicionário Contemporâneo. Lisboa, Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género, 2013.

[em co-autoria com Elsa Santos Alípio: Belmira das Neves; Berta da Costa Ribeiro Arthur Craveiro Lopes; Gertrudes Ribeiro da Costa Tomás; Henriqueta Júlia de Mira Godinho Gomes da Costa; Lucrécia de Brito Furtado de Melo Arriaga; Maria das Dores Formosinho Vieira Cabeçadas; Maria do Carmo Ferreira da Silva Carmona; Maria do Carmo Xavier Braga; Maria dos Prazeres Martins Bessa Pais; Maria Helena Martin Monteiro de Barros Spínola; Maria Joana Morais Perdigão Queiroga de Almeida; Mariana de Santo António Moreira Freire Correia Manuel Torres de Aboim do Canto e Castro]

 

"Luta armada na Frente Patriótica de Libertação Nacional: uma querela permanente" in PAÇO, António Simões do; VARELA, Raquel; VELDEN, Sjaak van der, Strikes and social conflicts. Towards a global history. Lisboa, International Association Strikes ando Social Conflict / Instituto de História Contemporânea da UNL, 2012, p. 535-540. Disponível em: http://iassc-mshdijon.in2p3.fr/IMG/pdf/strikes_and_social_conflicts_online_book.pdf

 

"A Instalação da Frente Patriótica de Libertação Nacional em Argel" in PAULO, Heloísa (coord.), Memória das Oposições (1927-1969). Coimbra, Edições Minerva, 2010, p. 169-176.

 

"De Norton de Matos ao efémero MND" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 8, p. 34-43.

 

"O Bispo do Porto questiona Salazar" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 15, p. 28-37.

 

"O «Golpe da Sé» é desarticulado" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 16, p. 30-43.

 

"A Frente Patriótica de Libertação Nacional" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 19, p. 58-67.

 

"Os desencontros da oposição em Argel" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 20, p. 30-39.

 

"O assassínio de Humberto Delgado" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 21, p. 62-73.

 

"CDE e CEUD: a oposição dividida nas eleições" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 25, p. 92-97.

 

"A fundação do Partido Socialista" in PAÇO, António Simões do (ed. e coord.), Os Anos de Salazar. S.l., Planeta DeAgostini, 2008, volume 29 p. 58-67.

 

"A fundação do Partido Socialista em 1973" in CANAS, Vitalino (org.), O Partido Socialista e a Democracia. Oeiras, Celta Editora, 2005, p. 29-49.

 

[53 entradas] PINTO, António Costa e CRUZ, Manuel Braga da (dir.), Dicionário Biográfico Parlamentar. 1935-1974. Lisboa, Assembleia da República e Imprensa de Ciências Sociais, 2004.

[entradas: "Almada, José de"; "Almeida, Ferrand Pimentel de"; "Alves, Carlos"; "Andrade, Abel Pereira de"; "Andrade, Rui de"; "Araújo, António Magro Borges de"; "Azevedo, Aníbal de Sousa"; "Barreiros, Manuel Simões"; "Brito, Alfredo Maria de Mesquita Guimarães"; "Cardoso, Agostinho Gabriel de Jesus"; "Coelho, Restituto José"; "Colaço, Álvaro"; "Correia, Aníbal Rodrigues Dias"; "Correia Leal, Alexandre Gomes de Lemos"; "Faria, Alberto dos Reis"; "Faria, António Gonçalves de"; "Fernandes, António Marques"; "Fonseca, Américo José Cardoso"; "Freitas, Manuel Alves de"; "Furtado, António Tomás Prisónio"; "Gama, Luís Xavier da"; "Gouveia, Agostinho Pereira de"; "Grilo, Carlos Emílio Tenreiro Teles"; "Guedes Júnior, Victor Romaguera Castro"; "Guimarães, Alberto Ribeiro da Costa"; "Lemos, António Júlio de Carvalho Antunes de"; "Levy, Bento Benoliel"; "Lobato, Alexandre Marques"; "Longo, António Moreira"; "Macedo, Luís Pastor de"; "Meirelles, Alberto Maria Ribeiro de"; "Mendonça, Mário Augusto Lemos de"; "Mesquita, Alberto Carneiro de"; "Monteiro, António de Almeida"; "Moreira, Artur Alves"; "Oliveira, Manuel de Espregueira e"; "Perdigão, Armando José"; "Pereira, Luís Teotónio"; "Ramos, Ângelo"; "Ribeiro, Pedro Inácio Álvares"; "Rocha, Albino Vieira da"; "Rodrigues, António Augusto Gonçalves"; "Rodrigues, António dos Reis"; "Sampaio, Armando Francisco Coelho"; "Santarém, Délio de Castro Cardoso"; "Sousa, Aires Francisco Nicéforo de"; "Sousa, Albano Augusto Nogueira de"; "Sousa, Alfredo Botelho de"; "Tavares, Álvaro Rodrigues da Silva"; "Trigo, Manuel Enes"; "Veiga, Aguinaldo de Carvalho"; "Veloso, Afonso de Melo Pinto"; "Vieira, Manuel Saraiva"]

 

"Do reconhecimento internacional da Ditadura Militar ao Estado Novo – pontos de reflexão para o estudo da política externa de 1926 a 1933" in MARTINS, Fernando (ed.), Diplomacia & Guerra. Política Externa e Política de Defesa em Portugal do final da monarquia ao marcelismo – Actas do I Ciclo de Conferências. Lisboa, Edições Colibri e CIDEHUS – Universidade de Évora, 2001, p. 101 – 117.

 

"Revolta da Sé" in Dicionário de História de Portugal, dir. por António Barreto e Maria Filomena Mónica. S.l., Livraria Figueirinhas, 2000, vol. 9, p. 245 e 246.

Outras Publicações

Século XX, Homens, Mulheres e Factos que Mudaram a História, Lisboa, Jornal Público/Jornal El País (adaptação portuguesa), 2000 [colaboração num dos fascículos].

 “O segundo movimento socialista e a questão colonial” in História, Ano XIX (Nova Série), n.º 34, Agosto/Setembro de 1997, p. 24 a 31.

Encontros Científicos (comunicações por convite)

“L’Exil portugais en Algérie et au Maroc: guide de sources pour l’étude de l’exil”. Jornadas de Estudo L’Exil Politique Portugais dans le pourtour méditerranéen au XXe siècle, promovidas pela Universidade de Paris 8. Paris, Novembro de 2013.

“As Oposições no Exílio”. Ciclo de conferências Memória e Cidadania, promovido pela Fundação Mário Soares. Lisboa, Março de 2013.

“O exílio em 1962 – uma panorâmica”. Colóquio 1962 – uma perspetiva histórica, promovido pelo Instituto de História Contemporânea. Lisboa, Junho de 2012 (em parceria com Ana Sofia Ferreira e João Madeira).

“A reorganização da oposição não comunista”. Colóquio Internacional 1961 - O ano terrível de Salazar, promovido pelo Instituto de História Contemporânea, em colaboração com o CEIS XX /Universidade de Coimbra e com a Fundação Mário Soares. Lisboa, Abril de 2011 (em parceria com João Madeira).

“Do Santa Maria à FPLN: que papel para o exílio?”. Colóquio 1961: o ano de todas as crises promovido pelo Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX (CEIS20) da Universidade de Coimbra. Coimbra, Março de 2011.

“A FPLN e os Movimentos de Libertação”. Seminário Portugal não é um país pequeno. O Fim do Império Colonial Português e a Cena Internacional, promovido pelo Centro de Estudos de História Contemporânea Portuguesa do ISCTE, pelo Instituto de Ciências Sociais da UL e pelo Instituto de História Contemporânea da UNL. Lisboa, Novembro de 2010.

“A FPLN e a comunidade portuguesa exilada em Argel”. Colóquio Exílios contra a Ditadura, promovido pelo Instituto de História Contemporânea. Lisboa, Março de 2010 (em parceria com João Madeira).

“Impactos do dissídio sino-soviético na comunidade portuguesa em Argel”. Ciclo de seminários O Cisma Sino-Soviético: Impactos Nacionais e Globais, promovido pelo Instituto de História Contemporânea e pelo Instituto de Política e Relações Internacionais (IPRI). Lisboa, Fevereiro – Junho de 2010.

“Os Socialistas e a CEUD”. Colóquio As Eleições de 1969 e as Oposições. 40 Anos Depois, promovido pelo Instituto de História Contemporânea. Lisboa, Outubro de 2009 (em parceria com João Madeira).

“O Movimento Socialista entre 1964 e 1975”. Curso O Socialismo Democrático Português, promovido pela Fundação Res Publica. Lisboa, Janeiro de 2009.

“A instalação da Frente Patriótica de Libertação Nacional em Argel”. Encontro Oposições ao Estado Novo: História e Memórias, promovido pelo CEIS XX/Universidade de Coimbra. Coimbra, Abril de 2008.

“A Frente Patriótica de Libertação Nacional (1962 – 1974)”. Encontros de Outono – Exílio e Exilados Políticos (1926 – 1974), organizados pelo Museu Bernardino Machado e pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão. Vila Nova de Famalicão, Novembro de 2006.

“Do reconhecimento internacional da Ditadura Militar ao Estado Novo – pontos de reflexão para o estudo da política externa de 1926 a 1933”. Colóquio Relações Internacionais e Política de Defesa, promovido pela Universidade de Évora. Évora, Dezembro de 2000.

Encontros científicos (comunicações por proposta)

“Uma cartografia do exílio português nos inícios da década de sessenta”. Colóquio Internacional Portugal: Oposições e Exílios, promovido por CEIS XX/Universidade de Coimbra; Universidade de Vigo; Universidade de Paris 8. Coimbra, Março de 2014.

“Os socialistas e o movimento operário nos primórdios da ditadura salazarista”. I Congresso de História do Movimento Operário e dos Movimentos Sociais em Portugal, promovido pelo Instituto de História Contemporânea (Universidade Nova de Lisboa, Portugal), pelo Instituto de Estudos de Literatura Tradicional (Universidade Nova de Lisboa, Portugal) e pelo Instituto de Sociologia (Universidade do Porto). Lisboa, Março de 2013.

“Ação imediata e luta anticolonial: o exílio português no Norte de África”. Conferência internacional Ecos das Migrações: Memórias e Representações dos Migrantes (Sécs. XIX-XXI), promovido pelo Instituto de História Contemporânea (Universidade Nova de Lisboa, Portugal). Lisboa, Novembro de 2012.

“Luta Armada na FPLN: uma querela permanente”. Congresso internacional Greves e Conflitos Sociais no Século XX promovido pelo Instituto de História Contemporânea (Universidade Nova de Lisboa, Portugal), pelo International Instituto of Social History (Holanda), pela Maison des Sciences de l’Homme (França), pelo Centre d’Estudis de l’Època Franquista i Democràtica (Universidade Autónoma de Barcelona, Espanha) e pelo Arquivo Edgard Leuenroth (Brasil). Lisboa, Março de 2011.

Organização de Eventos Científicos

Direcção científica e organização do Colóquio 1962 – uma perspetiva histórica. Lisboa, Junho de 2012 (em parceria com Ana Sofia Ferreira e João Madeira).

Direcção científica e organização do Colóquio Internacional 1961 - O ano terrível de Salazar (organização conjunta do Instituto de História Contemporânea e do CEIS XX /Universidade de Coimbra, com a colaboração da Fundação Mário Soares). Lisboa, Abril de 2011 (em parceria com João Madeira).

Direcção científica e organização do Colóquio Exílios contra a Ditadura. Lisboa, Março de 2010 (em parceria com João Madeira).

Direcção científica e organização do Colóquio As Eleições de 1969 e as Oposições. 40 Anos Depois. Lisboa, Outubro de 2009 (em parceria com João Madeira).

Consultoria Científica

Membro da Comissão Científica do Colóquio Internacional Portugal: oposição e exílios, promovido pelo CEIS XX/Universidade de Coimbra; Universidade de Vigo; Universidade de Paris 8. Coimbra, Março de 2014.

Membro do Conselho Consultivo da Área temática História do Movimento Operário do I Congresso de História do Movimento Operário e dos Movimentos Sociais em Portugal, promovido pelo Instituto de História Contemporânea (Universidade Nova de Lisboa, Portugal), pelo Instituto de Estudos de Literatura Tradicional (Universidade Nova de Lisboa, Portugal) e pelo Instituto de Sociologia (Universidade do Porto). Lisboa, Março de 2013.

Outras Colaborações

Membro da International Association Strikes and Social Conflicts, rede internacional constituída em 2011, da qual faz parte um vasto conjunto de instituições dedicadas ao estudo dos Movimentos Sociais e de Resistência (entre outras, assinalam-se o Instituto de História Contemporânea da UNL, o International Institute of Social History de Amesterdão, a Maison des Sciences de L´Homme de França e o Centre d'Estudis de l'Època Franquista i Democràtica da Universidade Autónoma de Barcelona).

Membro da REMIGRE - rede Migrações e Exílios, rede internacional constituída em 2013, coordenada pelo CEIS XX – Universidade de Coimbra.