Investigadores // CV Paula Borges Santos

Paula Borges Santos
Paula Borges Santos
Investigador integrado | Doutorado
Justiça, Regulação e Sociedade

PDF

Áreas de Investigação

Política e Direito (Sistemas políticos; representação política; instituições);

Regulação (Corporativismo; interesses económicos organizados);

Religião e Direito (Relações entre Estado e Igreja Católica; liberdade religiosa; evolução histórica do regime jurídico das Igrejas em Portugal).

Formação Académica

Dezembro de 2012

Doutoramento em História Contemporânea, pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH-UNL), com a dissertação A   política religiosa do Estado Novo (1933-1974). Estado, leis, governação e   interesses religiosos, com a nota máxima: Muito Bom, por unanimidade.

Dezembro de 2003

Mestrado em História Contemporânea pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da   Universidade Nova de Lisboa, com a tese A Igreja Católica e o 25 de Abril: o «Caso Rádio Renascença» 1974-1975, com   classificação final máxima: Muito Bom, por unanimidade.

Julho de 1998

Licenciatura   em História pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova   de Lisboa, com a informação final de 15 (quinze) valores, qualificação de Bom.

Actividade Profissional e Científica

Doutorada em História Contemporânea pela Faculdade de Ciências Socais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH/NOVA). Investigadora integrada do IHC-FCSH/NOVA, onde coordena o Grupo de Investigação Justiça, Regulação e Sociedade. Desenvolve, desde 2013, o seu projeto de pós-doutoramento com apoio da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT). É colaboradora regular do Departamento de Historia Contemporánea da Facultad de Geografia y Historia da UNED (Espanha). Foi professora visitante da Pontifícia Universidade Católica de Rio Grande do Sul (2015). Publicou Igreja Católica, Estado e Sociedade (1968-1975): o caso Rádio Renascença (ICS, 2005), que recebeu o Prémio Fundação Mário Soares (edição de 2004); A Questão Religiosa no Parlamento (1935-1974) (Assembleia da República, 2011); A Segunda Separação. A Política Religiosa do Estado Novo (1933-1974) (Almedina, 2016). Foi cocoordenadora do Dicionário de História de Portugal. O 25 de Abril (Livraria Figueirinhas, 2016). Publicou ainda cerca de cinquenta artigos e quatro dossiers temáticos em revistas científicas internacionais e nacionais.

 

Investigadora de pós-doutoramento. Desenvolve o projeto: A Organização Parlamentar na Europa na Era dos Fascismos: Portugal, Espanha e Itália (1922-1976), com o apoio da Fundação para a Ciência e a Tecnologia.

Coordenadora, no IHC, do Grupo de Investigação Justiça, Regulação e Sociedade.

Membro do Comité Coordenador da International Network for Studies on Corporatism and the Organized Interests (NETCOR), em representação de Portugal.

Ver curriculum vitae completo no anexo pdf.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Prémios e Distinções

2004

Prémio Fundação Mário Soares, edição de 2004, atribuído à tese de mestrado, intitulada A Igreja Católica e o 25 de Abril. O «caso Rádio Renascença» (1974-1975).

2004

Menção Honrosa do Prémio Victor de Sá da Universidade do Minho, edição de 2004, atribuído à tese de mestrado, intitulada A Igreja Católica e o 25 de Abril. O «caso Rádio Renascença»   (1974-1975).

Lista de Projectos de investigação em curso

Dirigiu projetos de investigação científica e de organização e tratamento de arquivos, entre eles o volume do Dicionário de História de Portugal (1974-1976), da Editora Figueirinhas (a sair em Abril de 2016), que coordenou com António Reis e Maria Inácia Rezola. Atualmente coordena, com Maria Fernanda Rollo e Ivo Veiga, o projeto Os Constituintes, apoiado pela Assembleia da República.

 

 

 

Lista de Projectos de investigação concluídos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicações Teses

SANTOS, Paula Borges, Igreja Católica, Estado e Sociedade 1968-1975: O caso Rádio Renascença, Lisboa, ICS – Imprensa de Ciências Sociais, 2005.

Publicações Livros (como Autor)

SANTOS, Paula Borges, A Questão Religiosa no Parlamento (1935-1974), Lisboa, Assembleia da República, 2011.

Publicações Livros (como Editor e/ou Coordenador)

SANTOS, Paula Borges, et al. (org.), Para um novo paradigma: um mundo assente no cuidado. Antologia de textos de Maria de Lourdes Pintasilgo, Porto, Edições Afrontamento, 2011.

Publicações Capítulos Livros

SANTOS, Paula Borges, «Nas origens do nacionalismo político da I República Portuguesa: o projeto da “nacionalização do Estado” e o debate jurídico e político em torno da conceção da soberania e do modelo de representação política» in Dimensões do Poder: História, Política e Relações Internacionais, coord. de Marçal de Menezes Paredes; Leandro Pereira Gonçalves; Luciano Aronne de Abreu; Helder Gordim Silveira, Porto Alegre, EDIPUCRS, 2015, pp. 63-81. ISBN: 978-85-397-0715-7.

SANTOS, Paula Borges, «Aspetos do discurso religioso de Maria de Lourdes Pintasilgo (1968-2004): a experiência da fé e o papel das mulheres no cristianismo» in Vozes da Vida Religiosa Feminina. Experiências, textualidades e silêncios (séculos XV-XXI), coord. de João Luís Fontes, Maria Filomena Andrade e Tiago Pires Marques, Lisboa, Centro de Estudos de História Religiosa/ Universidade Católica Portuguesa, 2015, p. 171-184. ISBN 978-972-8361-61-7

SANTOS, Paula Borges, «A revolução e o conflito em torno da Rádio Renascença: a emissora católica na definição política do novo regime (1974-1975)» in A Revolução nos Média, coord. de Maria Inácia Rezola e Pedro Marques Gomes, Lisboa, Tinta-da-china, 2014, p. 113-135. ISBN 978-989-671-219-8

SANTOS, Paula Borges, «Opções políticas dos católicos: Significados do «estar à direita» durante o Estado Novo (1945-1974)» in As raízes profundas não gelam? Ideias e percursos das Direitas Portuguesas, coord. de Riccardo Marchi, Alfragide, Texto Editores, 2014, p. 291-325. ISBN 978-972-47-4489-6

SANTOS, Paula Borges, «A Igreja Católica na transição para a democracia: que estratégia perante acusações de “um passado colaboracionista” com o Estado Novo?» in Democracia, Ditadura, Memória e Justiça Política, coord. de Irene Flunser Pimentel e Maria Inácia Rezola, Lisboa, Tinta-da-China, 2013, p. 465-486. ISBN 978-989-671-202-0

SANTOS, Paula Borges, «O Estado e a regulação política da religião no regime autoritário (1933-1974)» in O Eterno Retorno: estudos de homenagem a António Reis, coord. de Maria Inácia Rezola e António Reis, Lisboa, Campo da Comunicação, 2013, p. 465-485. ISBN 978-989-8465-18-4

SANTOS, Paula Borges, «A greve que mudou a revolução: luta laboral e ocupação da Rádio Renascença, 1974-1975» in Greves e Conflitos sociais em Portugal no século XX, coord. Raquel Varela, Ricardo Noronha e Joana Dias Pereira, Lisboa, Edições Colibri/ Instituto de História Contemporânea da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, 2012, p. 199-210.

SANTOS, Paula Borges, «Fronteiras da militância e da cidadania na ação de Maria de Lourdes Pintasilgo» in Religião e Cidadania. Protagonistas, motivações e dinâmicas sociais no contexto ibérico, coord. de António Matos Ferreira e João Miguel Almeida, Lisboa, Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica, 2011, p. 383-399. ISBN 978-972-8361-36-5

SANTOS, Paula Borges, «Propostas de Sena Freitas para a reforma da educação eclesiástica» in Homem de Palavra: Padre Sena Freitas, coord. de Luís Machado de Abreu, José Eduardo Franco, Annabela Rita, Jorge Croce Rivera, Lisboa, Roma Editora, 2008, pp. 437-446. ISBN 978-989-806-322-9

SANTOS, Paula Borges, «Maria AliceCruz» in Dicionário no Feminino (Séculos XIX e XX), coord. de Zília Osório de Castro, Lisboa,Livros Horizonte, 2005. ISBN 978-972-241-368-8

SANTOS, Paula Borges, Várias Entradas in Dicionário Biográfico Parlamentar (1935-1974), coord. de Manuel Braga da Cruz eAntónio Costa Pinto, vols. I e II, Lisboa, Imprensa de Ciências Sociais/Assembleia da República, 2004. ISBN 972-671-135-5 e 972-671-154-1

SANTOS, Paula Borges, FRANCO, José Eduardo, GALA, Elísio, «Estudo introdutório» in A Alta Educação do Padre por Padre Sena Freitas e Monsenhor John Spalding, Lisboa, Editora Roma, 2003, pp. 8-29. ISBN 972-8490-38-0

Artigos em Revistas com referee

SANTOS, Paula Borges (dossier ed. por), «Construindo o Estado Corporativo: As Experiências Históricas de Portugal e Espanha. Introdução» in Espacio, Tiempo y Forma, 27, 2015, UNED, pp. 15-20. E-ISSN 2340-1451. DOI: http://dx.doi.org/10.5944/etfv.27.2015 Disponível em: http://revistas.uned.es/index.php/ETFV/article/view/15725

SANTOS, Paula Borges, «O modelo político do Estado autoritário português: a ideia corporativa na constitucionalização do regime (1931-1933). The political modelo f the portuguese authoritarian state: the corporatist idea in the constitutionalisation of the regime (1931-1933)» in Espacio, Tiempo y Forma, 27, 2015, UNED, pp. 59-84. E-ISSN 2340-1451. DOI: http://dx.doi.org/10.5944/etfv.27.2015 Disponível em: http://revistas.uned.es/index.php/ETFV/article/view/15728

SANTOS, Paula Borges, «Laicidade, Religiões e Educação na Europa do Sul no Século XX, Joaquim Pintassilgo (coord.), 2013» in Historia y Memoria de la Educación, 2, 2015, p. 383-389. ISSN: 2444-0043 DOI: 10.5944/hme.2.2015.12255 Disponível em: http://revistas.uned.es/index.php/HMe/article/view/12255

SANTOS, Paula Borges, «A Organização Parlamentar no Salazarismo no Período de Entre Guerras» in Faces de Clio, vol. 1, n.º 2, julho-dezembro 2015, p. 1-21. ISSN: 2359-4489

SANTOS, Paula Borges, «Religión y Política en el Salazarismo: el problema del patrimonio de la Iglesia Católica y la resolución de la “Cuestión Religiosa”» in Espacio, Tiempo y Forma, Serie V Historia Contemporánea, 26, 2014, p. 451-472. ISSN 1130-0124 E-ISSN 2340-1451

SANTOS, Paula Borges (dossier edited by), «Introduction: Catholicism, society and politics» in The Portuguese Journal of Social Science, North America, 13 (3), dec. 2014, pp. 249-251.

SANTOS, Paula Borges, «Rethinking the evolution of the Portuguese Catholic Centre, in dialogue with three questions that have explained its history» in The Portuguese Journal of Social Science, North America, 13 (3), dec. 2014, pp. 269-286, DOI: 10.1386/pjss.13.3.269_1

SANTOS, Paula Borges, «A Concordata de Salazar/Salazar’s Concordat, Rita Almeida de Carvalho, (2013)» in The Portuguese Journal of Social Science, North America, 13 (2), oct. 2014. Available at: <http://pjss.iscte.pt/index.php/pjss/article/view/165>.

SANTOS, Paula Borges, «The Question of the Political Organization of Catholics under the Portuguese Authoritarian Regime: The “Bishop of Porto Case” (1958)» in Portuguese Studies, vol. 30, n.º 1 (2014), p. 94-111.

SANTOS, Paula Borges, «Relations between Church and State in Portugal in the Transition to Democracy» in Portuguese Studies, vol. 28, n.º 1 (2012), p. 77-93.

SANTOS, Paula Borges, «Uma nova biografia política de Marcelo Caetano?» in Relações Internacionais, setembro 2013, 39, p. 145-150.

SANTOS, Paula Borges, «No centenário da República: uma releitura da separação» in Relações Internacionais, março 2012, 33, p. 121-125.

SANTOS, Paula Borges, «Irene Flunser Pimentel, Cardeal Cerejeira: O príncipe da Igreja; Rita Almeida de Carvalho, António de Oliveira Salazar, Manuel Gonçalves Cerejeira: Correspondência (1928-1968)» in Análise Social, Vol. XLV (3.º), 2010 (n.º 197), p. 798-800.

SANTOS, Paula Borges, GRÁCIO, Fátima, KONING, Marijke de, «Testemunho – Fundação Cuidar O Futuro, cinco anos depois» in Ex aequo – Revista da Associação Portuguesa de Estudos sobre as Mulheres, n.º 21, 2010, p. 133-140.

SANTOS, Paula Borges, «FERREIRA, Nuno Estevão - A Sociologia em Portugal: da Igreja à Universidade. Lisboa: ICS, Imprensa de Ciências Sociais, 2006, 258 p.» in Lusitania Sacra, 2.ª série, tomo XIX-XX, 2007-2008, p. 578-581.

SANTOS, Paula Borges, «Acervo documental de Maria de Lourdes Pintasilgo na Internet» in Lusitania Sacra, 2.ª série, tomo XIX-XX, 2007-2008, p. 515-516.

SANTOS, Paula Borges, «O Caso da Rádio Renascença» in Revista História, n.º 27, julho/agosto 2000, p. 48-57.

SANTOS, Paula Borges, «Assinatura do Acordo Missionário» in Revista História, n.º 17, setembro 1999, p. 42-49.

Artigos em Revistas sem referee

SANTOS, Paula Borges, «Salazar e o Poder» in Vírus, Revista Política e de Ideias, n.º 3, maio 2013, p. 73-76.

SANTOS, Paula Borges, «Arquivo Histórico Maria de Lourdes Pintasilgo na Internet» in Boletim da Direção Geral de Arquivos, n.º 4, janeiro-março 2008, p. 7.

Outras Publicações

SANTOS, Paula Borges, «Religião e Política entre Guerras. Existência e fim do Centro Católico Português (CCP): uma releitura da sua evolução histórica (1919-1940)», A Europa no Mundo entre Guerras (1919-1939), coord. de Maria Fernanda Rollo et al., Lisboa, [Documento eletrónico], IHC-CEIS20, 2014, p. 165-177. ISBN 978-989-98388-2-6

SANTOS, Paula Borges, «Que lugar para a Igreja Católica nos domínios da educação e do ensino no Salazarismo? Uma observação a partir das discussões parlamentares travadas na Assembleia Nacional (1935-1968)» [ID:911] in Maria João Mogarro e Maria Teresa Santos Cunha (org.),Rituais, Espaços & Patrimónios Escolares: IX Congresso Luso-Brasileiro de História da Educação (Atas), Lisboa, Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, 2012, p. 4711-4721. ISBN 978-989-96999-6-0

Encontros Científicos (comunicações por convite)

Comunicação “Outros pulsares do Estado autoritário: os projetos constitucionais derrotados na Assembleia Nacional (1935-1971)”, realizada em 10 de novembro de 2015, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, no  Seminário Internacional Constitucionalismo e Conflito Político: Os Momentos Constituintes em Portugal e no Brasil (1822-1988), promovido pelo IHC-UNL e pelo Centro de História da Universidade de Lisboa.

Comunicação “A Política Religiosa do Estado Novo (1933-1974)”, realizada em Madrid, a 20 de outubro de 2015, na Facultad de Geografia e Historia de la Universidad Nacional de Educacion a Distancia (UNED).

Comunicação “El Estado Corporativo portugués: el modelo político (1933-1974)”, realizada em Madrid, a 6 de outubro de 2015, na Facultad de Geografia e Historia de la Universidad Nacional de Educacion a Distancia (UNED).

Comunicação “Interesses católicos e o compromisso corporativo do Estado autoritário em Portugal: mitos e realidades”, realizada em Barcelona, a 1 de outubro de 2015, na Universitat Autònoma de Barcelona (UAB), no International Workshop on Corporatism, organizado pelo Center for the Study of the Francoist and Democratic Eras (CEFID-UAB) e pelo IHC-UNL.

Comunicação «José Magalhães Godinho: o advogado que falou de liberdade», realizada em 19 de junho de 2015, no Tribunal da Relação de Lisboa, no Colóquio «O Direito, a Justiça e a Polícia (Séculos XIX e XX): pelo olhar da biografia», organizado pelo IHC.

Comunicação “Da investigação sobre as relações entre o Estado e a Igreja Católica em Portugal aos estudos sobre representação política, organização de interesses e regulação”, realizada em Lisboa, a 6 de maio de 2015, no CES-Lisboa e Centro de Informação Urbana de Lisboa (CIUL), no Colóquio Internacional «Religião no Espaço Público. Trajetórias de investigação», organizado pelo Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES), pelo Instituto de Sociologia da Universidade do Porto (IS-UP) e pelo Centro de Estudos de Religiões e Culturas da Universidade Católica Portuguesa (CERC-UCP).

Comunicação “Representação política e corporativismo: os tempos e os modos do debate nas câmaras políticas pós-1945”, realizada em 27 de abril de 2015, na Universidade do Minho, em Braga, no Congresso Internacional  «Espaços Corporativos e Escalas Urbanas no Século XX. Organismos Primários, Estruturas Administrativas e Ordem Estatal», realizado pelo Laboratório 2 Paisagens, Património e Território da Universidade do Minho (Lab2PT-UM) e pelo IHC-UNL.

Comunicação “O contributo dos católicos para a democratização da sociedade portuguesa”, realizada em 7 de fevereiro de 2015, na Escola Secundária Eça de Queirós, em Lisboa, na Ação acreditada pelo Conselho Pedagógico da Formação Contínua, organizada pelo Centro de Formação de Escolas António Sérgio, no âmbito do painel «Religiões e Formação Humanista».

Comunicação “Representação política e representação de interesses. A solução institucional da ditadura de Salazar e Caetano”, realizada em 14 de janeiro de 2015, no Congresso Internacional «A Era do Corporativismo – Regime, Representações e Debates», organizado pelo IHC, Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX – Universidade de Coimbra (CEIS20 – UC); Departamento de Historia Contemporánea, Facultad de Geografía e Historia – Universidad Nacional de Educación a Distancia (FGH-UNED); Centro Studi sull’Europa Mediterranea – Università degli Studi della Tuscia (CSEM-UST); Departamento de História, Faculdade de Filosofia e de Ciências Humanas - Pontifícia Universidade Católica de Rio Grande do Sul (FFCH-PUCRS), decorrido na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – Universidade Nova de Lisboa, entre 13 e 15 de janeiro de 2015.

Comunicação “O Trono e o Altar: o Estado Novo e a Igreja Católica”, realizada em 21 de outubro de 2014, na Biblioteca da Associação Portuguesa Amigos dos Castelos (APAC), em Lisboa, no Curso Livre de História «Revisitar o Estado Novo» (coord. científica de Fernando Rosas), organizado pela APAC.

Comunicação “O problema do património da Igreja Católica e a resolução da «questão religiosa» - política, religião e justiça no salazarismo”, realizada em 20 de junho de 2014, no Centro de Estudos Judiciários em Lisboa (CEJ), na Ação de Formação Contínua Tipo B, subordinada ao tema «História da Justiça», no painel «Justiça e Política no Estado Novo», organizada pelo CEJ.

Comunicação “Representação política e trabalho parlamentar no marcelismo: configurações da cultura política autoritária em vésperas da democratização em Portugal (1968-1974)”, realizada em 16 de maio de 2014, na FCSH-UNL, em Lisboa, no Workshop Internacional «Liberalização e mudança política na Península Ibérica (1968-1978)», no painel «Mudança institucional e atores reformistas», organizado pelo IHC – UNL e pelo Departamento de Historia Contemporânea da Universidad de Sevilla, no âmbito do Proyecto de Investigación I+D [Ref: HAR2011-27460] «La transición ibérica. España y Portugal. El interés internacional por la liberalización peninsular (1968-1978)».

Comunicação “Elementos comuns às correntes nacionalistas na I República Portuguesa”, realizada em 7 de abril de 2014, em Porto Alegre (Brasil), na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), no Seminário Internacional «Nacionalismo e Política: Portugal e Brasil», no painel «Origens do Nacionalismo nas Repúblicas Brasileira e Portuguesa», organizado pelo Programa de Pós-Graduação em História da PUCRS e pelo Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF).

Comunicação “Felicidade Alves: o sacerdote emotivo”, realizada em 11 de março de 2014, na Fundação Mário Soares em Lisboa, na sessão de apresentação «Arquivo Pessoal Felicidade Alves em www.casacomum.org.».

Comunicação “Religião e ação social em Portugal”, realizada em 6 de julho de 2013, no Seminário Permanente de História Religiosa Contemporânea Crença e Cidadania, edição de 2013, organizado pelo CEHR-UCP.

Comunicação “O discurso parlamentar sobre o princípio da separação do Estado das Igrejas durante o Estado Novo (1935-1974”, realizada em 23 de fevereiro de 2011 no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (ICS-UL), no Seminário Permanente sobre As Relações entre o Estado e as Igrejas, edição de 2010-2011, organizado pelo ICS e pelo CEHR-UCP.

Comunicação “A historiografia das relações entre o Estado e a Igreja Católica no Estado Novo e após o 25 de abril de 1974”, realizada em 24 de maio de 2010, no ICS-UL, no Seminário Permanente sobre As Relações entre o Estado e as Igrejas, edição de 2009-2010, organizado pelo ICS e pelo CEHR-UCP.

Comunicação “A participação política dos católicos durante o PREC (1974-1975)”, realizada em 20 de abril de 2010 no Seminário Revolução e Democracia, edição de 2009-2010, organizado pelo IHC da FCSH-UNL.

Comunicação “A Questão Religiosa na Assembleia Nacional durante o Estado Novo”, realizada em 26 de fevereiro de 2008, no Seminário Permanente sobre As Relações entre o Estado e as Igrejas, edição de 2007-2008, organizado pelo ICS-UL e pelo CEHR-UCP.

Comunicação “Testemunhos Orais, Memória e História”, realizada a 22 de novembro de 2007, no Seminário Internacional Memória e Testemunhos Orais, organizado pelo IHC-UNL e pela Fundação Mário Soares.

Comunicação “A estratégia do episcopado da Igreja Católica portuguesa na transição para a democracia (1974-1975)”, realizada em 5 de fevereiro de 2007, no Seminário do Instituto de História Contemporânea 2006/ 2007, promovido pelo IHC-UNL.

Comunicação “Os testemunhos orais na história do século XX”, realizada a 20 de setembro de 2006 em Alcobaça, nos II Encontros de Alcobaça/Sociedade de Informação: Testemunhos Orais e Preservação da Memória Digital, promovidos pelaFundação Mário Soares e pelo Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX (CEIS20) da Universidade de Coimbra (UC).

Comunicação “A espiritualidade dos católicos progressistas”, realizada em 12 de maio de 2005, nos Encontros de História Religiosa Contemporânea, promovidos pelo CEHR-UCP.

Comunicação “Igreja Católica e Sociedade no Marcelismo: a sucessão do cardeal Cerejeira como problema eclesial e político”, realizada a 14 de fevereiro de 2004, nos Encontros de História Religiosa Contemporânea, promovidos pelo CEHR-UCP.

Comunicação “Educação e Ensinoem Sena Freitas”, realizada a 29 de junho de 2002, no seminário aberto Cultura e Sociedade no Pensamento do Padre Joaquim José de Sena Freitas, promovido pelo Centro de Literatura e Cultura Portuguesa e Brasileira da Universidade Católica Portuguesa (CLCPB-UCP).

Comunicação “Uma rádio católica em Portugal, na transição para a democracia. O «caso Rádio Renascença» (1974-1975)”, realizada em 28 de abril de 2001, nos Encontros de História Religiosa Contemporânea, promovidos pelo CEHR-UCP.

Encontros científicos (comunicações por proposta)

Comunicação “O quadro legal da assistência social no Estado Novo (1944-1963)”, realizada em 2 de fevereiro de 2015, no Congresso LusoAfroBrasileiro, XII CONLAB, e 1º da AILPcsh (Associação Internacional de Ciências Socais e Humanas em Língua Portuguesa), decorrido na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, entre 1 e 5 de fevereiro de 2015.

Comunicação “Religião e Política na Transição para a Democracia em Portugal (Abril de 1974 – Novembro de 1975)”, realizada em 22 de abril de 2014, no Teatro Nacional D. Maria II (TNDM II), em Lisboa, no Congresso A Revolução de 25 de Abril. 1974., organizado pelo IHC-UNL, pela Fundação Mário Soares, pela Associação 25 de Abril, pela Câmara Municipal de Lisboa e pelo TNDM II, em parceria com o Centro de Investigação e Estudos de Sociologia – Instituto Universitário de Lisboa (CIES-IUL) e pelo CPDOC - Fundação Getúlio Vargas (Brasil).

Comunicação “Religião e Política entre Guerras. Existência e fim do Centro Católico Português (CCP): uma releitura da sua evolução histórica (1919-1940)”, realizada em 4 de abril de 2014 na FCSH-UNL, no II Encontro Anual A Europa no Mundo: «A Europa Entre Guerras (1919-1939)», promovido pelo IHC e pelo CEIS 20 - UC.

Comunicação “O papel político e o funcionamento da organização parlamentar no salazarismo, no período de Entre Guerras (1935-1945)”, realizada em 5 de dezembro de 2013, na «On the Eve of War»/ V CECC International Conference on Culture and Conflict, promovida pelo Centro de Estudos de Comunicação e Cultura da Universidade Católica Portuguesa (CECC-UCP).

Comunicação “Aspetos do discurso religioso de Maria de Lourdes Pintasilgo: a experiência da fé e o papel das mulheres no cristianismo”, realizada em 28 de Junho de 2013, nas Jornadas de Estudo Vozes e Silêncios Femininos na Vida Religiosa, organizadas pelo CEHR-UCP.

Comunicação “Salazar e a gestão dos bens eclesiásticos: a gestão política da devolução de património à Igreja Católica e os seus condicionalismos políticos e administrativos (1926-1953)”, realizada em 16 de maio de 2013 na Universidade de Évora (UE), no II Congresso Anual de História Contemporânea, promovido pelo Centro de Estudos de História e Filosofia da Ciência (CEHFCI) da UE, e pelo Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória (CITCEM) das Universidades do Porto e Minho.

Comunicação “O tempo de paragem do trabalho: descanso semanal ou descanso dominical? Um problema em debate na Assembleia Nacional (1943-1948)”, realizada em 15 de março de 2013 na FCSH-UNL, no I Congresso de História do Movimento Operário e dos Movimentos Sociais em Portugal, organizado pelo IHC e pelo Instituto de Estudos de Literatura Tradicional da Universidade Nova de Lisboa (IELT-UNL), e pelo Instituto de Sociologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto (IS – FL/UP).

Comunicação “Que lugar para a Igreja Católica nos domínios da educação e do ensino no salazarismo? Uma observação da questão a partir das discussões parlamentares travadas na Assembleia Nacional (1935-1968)”, realizada em 13 de julho de 2012 no Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, no IX Congresso Luso-Brasileiro de História da Educação.

Comunicação “A Igreja Católica e o quadro legal da assistência social no Estado Novo (1944-1963)”, realizada em 12 de maio de 2012 na UCP, nas Jornadas de Estudo Crença e Dinâmicas Sociais na Época Contemporânea, organizadas pelo CEHR-UCP.

Comunicação “A Igreja Católica na transição para a democracia: que estratégia perante acusações de um “passado colaboracionista com o Estado Novo»?”, realizada em 23 de abril de 2012 na FCSH-UNL, no Colóquio Internacional Legados do Autoritarismo em Portugal em perspectiva comparada, organizado pelo IHC.

Comunicação “A caminho da democracia: o «caso Rádio Renascença» na definição política do novo regime (1974/1975)”, realizada em 6 de outubro de 2011 na FCSH-UNL, no Congresso Internacional História dos Media e do Jornalismo, organizado pelo Centro de Investigação Media e Jornalismo (CIMJ-UNL).

Comunicação “A problemática da família na Assembleia Nacional: os anos do salazarismo (1935-1968)”, realizada em 2 de junho de 2011 na FCSH-UNL, na Jornada de Estudo Aos confins do privado, organizada pelo IHC.

Comunicação “Liberdade religiosa em Portugal: do 25 de abril de 1974 ao 25 de novembro de 1975”, realizada em 26 de maio de 2011 na FCSH-UNL, na Jornada de Estudo As cores da ritualidade, organizada pelo IHC.

Comunicação “A lei de liberdade religiosa de 1971: algumas notas históricas”, realizada em 7 de maio de 2011 na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa (FD-UL), em Lisboa, no Colóquio A Liberdade Religiosa em Portugal: 10 anos da lei n.º 16/2001, organizado pelo Conselho Português de Igrejas Cristãs (COPIC).

Comunicação “A problemática da separação e da liberdade religiosa na transição para a democracia em Portugal (1974/1975)”, realizada em 13 de abril de 2011, naUCP em Lisboa, no Congresso Internacional de História 100 Anos de Separação: Religião/ Sociedade/ Estado, organizado pelo CEHR.

Comunicação “A greve que mudou a revolução: luta laboral e ocupação da Rádio Renascença (1974/1975”, realizada em 19 de março de 2011 na FCSH-UNL, no Congresso Internacional Greves e Conflitos Sociais no Século XX, organizado pelos IHC-UNL, International Institute of Social History (Amesterdão), Edgard Leuenroth Archive (Unicamp/Brasil), Centre of Studies on Franco’s Regime and of Democracy (Universidade Autónoma de Barcelona) e Maison de Sciences de L’Homme (França).

Comunicação “Perfis políticos de Maria de Lourdes Pintasilgo: quem era a primeira-ministra?”, realizada em 25 de junho de 2010, na FCSH-UNL, no Colóquio Democracia e Governação em Portugal em 1979: O V Governo Constitucional, organizado pelo IHC.

Comunicação “A questão religiosa na Assembleia Nacional (1935-1945)”, realizada em 16 de outubro de 2009, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FL-UL), no Colóquio Poder Espiritual/ Poder Temporal: As relações Igreja-Estado no tempo da República (1910-2009), organizado pela Academia Portuguesa da História e pelo Centro de História da Universidade de Lisboa (CH-UL).

Comunicação “A cidadania em Maria de Lourdes Pintasilgo: do salazarismo à democracia (1950-2004)”, realizada em 25 de junho de 2009 no Centro Nacional de Cultura, no Ciclo de Comunicações A Dimensão do Cuidar na Re-Significação do Espaço Público: com Maria de Lourdes Pintasilgo em fundo, organizado pelo Departamento de Pedagogia e Educação da Universidade de Évora e pela Fundação Cuidar O Futuro.

Comunicação “Fronteiras da militância e da cidadania na ação de Maria de Lourdes Pintasilgo”, realizada em 9 de maio de 2009, nas Jornadas Crentes e Políticos: protagonistas na sociedade portuguesa, organizadas pelo CEHR-UCP.

Comunicação “Os católicos e os partidos políticos do reformismo marcelista à democratização”, realizada a 12 de maio de 2007, na Jornada Anual do Seminário de História Religiosa Contemporânea, subordinada à temática Os partidos confessionais no quadro europeu, organizada pelo CEHR-UCP.

Comunicação “Propostas de Sena Freitas para a reforma da educação eclesiástica”, realizada a 20 de outubro de 2005, no Congresso Internacional Igreja, Sociedade e Cultura: Padre Sena Freitas e o seu tempo, organizado pelo Centro de Estudos de Filosofia de Ciências Humanas (CEFCH) da UCP.

Organização de Eventos Científicos

 

 

 

 

 

 

Consultoria Científica

 

 

Outras Colaborações