Seminários // ESPI "Think-Tank"

Datas: 7 de Fevereiro a 20 de Junho de 2017

Seminário de Investigação em "Economia, Sociedade, Património e Inovação" (Série I), coordenado por Ana Paula Pires (IHC-FCSH/NOVA; Universidade de Stanford) e Ivo Veiga (IHC-FCSH/NOVA)

O ESPI "Think-Tank" é o Seminário de Investigação do Grupo "Economia, Sociedade, Património e Inovação" do IHC e tem como objectivo principal estudar e interpretar os processos de transformação social e económica no período contemporâneo, procurando perceber as dinâmicas e os períodos de inércia ou de inovação que os caracterizam, designadamente em matéria científica e tecnológica, identificando e promovendo a valorização, preservação e divulgação do quadro patrimonial que lhes está associado.

Tendo como foco principal o caso português, observado numa perspectiva transnacional, e procurando captar e compreender a sua inserção no contexto global, com particular atenção para as dinâmicas dos grandes espaços político-económicos, procura aprofundar critérios de comparabilidade definidos em sintonia com a identidade histórica e cultural do espaço-nação Portugal. O estudo do caso português é perspectivado em si e pelo que representa num contexto de análise mais alargado, considerando entre outros aspectos, os enquadramentos ibérico, europeu / comunitário, mediterrânico, as relações coloniais e pós-coloniais, o espaço lusófono e as relações ibero-americanas, em particular no Atlântico Sul para cujo estudo aliás contribui.

Nesta primeira série, partindo sempre da apresentação de um texto teórico ou de um projecto de investigação, será explorada uma realidade cruzada que tem no estudo e nas interligações entre economia e sociedade o seu principal enfoque. O "Think-Thank" desempenha, também, um papel vital no conhecimento dos percursos, projectos e objectivos actuais dos investigadores do ESPI.

 

PROGRAMA:

Sessão 1: 7 de Fevereiro

Os "sítios" e a temporalidade em investigação

Boldizzoni, Francesco. 2011. The Poverty of Clio. Princeton: Princeton University Press (Capítulos 2 e 6)
Guldi, Jo & David Armitage. 2014. The History Manifesto. Cambridge: Cambridge University Press. (Capítulos 1 e 4)
Kocka, Jurgen. 2010. History, the Social Sciences and Potentials for Cooperation. with Particular Attention to Economic History. InterDisciplines Journal of History and Sociology 1(1).

Apresentação: Luís Aguiar Santos

Comentário: Ana Paula Pires (IHC-FCSH/NOVA; Universidade de Stanford) e Ivo Veiga (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 2: 14 de Fevereiro

Comparativo, Global, Transnacional

Conrad, Sebastian. 2015. What is Global History? PUP
Saunier, Pierre-Yves. 2013. Transnational History, Palgrave
Lange, Matthew. 2012. Comparative-Historical Methods. London: SAGE

Apresentação: José António Sanchez Romàn (Universidade Complutense de Madrid)

Comentário: Alice Cunha (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 3: 7 de Março

Espaço, Níveis e Redes

Struck, Bernhard, Kate Ferris & Jacques Revel. 2011. Introduction: Space and Scale in Transnational History. The International History Review 33(4): 573–84
Lemercier, Claire. 2015. Formal Network Methods in History: Why and How? In Social Networks, Political Institutions, and Rural Societies, edited by Georg Fertig, 281–304. Rural History in Europe 11. Turnhout: Brepols.

Apresentação: Ivo Veiga (IHC-FCSH/NOVA)

Comentário: Ângela Salgueiro (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 4: 21 de Março

Estado e Economia

Poggi, Gianfranco. 2014. The Nation-State In Caramani, Daniele, ed. Comparative Politics. Oxford: Oxford University Press.
Tilly, Charles. 1992. Coercion, Capital, and European States, AD 990-1992. Cambridge, MA : Blackwell. (Capítulo 1)
Block & Peter Evans. 2005. The State and Economy In Smelser, Neil J, & Richard Swedberg. The Handbook of Economic Sociology. Princeton: Princeton University Press.

Apresentação: Teresa Nunes (FLUL; IHC-FCSH/NOVA)

Comentário: Maria Inês Queiroz (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 5: 19 de Abril

Economia, Política e Instituições

Amenta, Edwin. 2005. Institutionalist and State-Centric Theories of Political Sociology In Janoski, Thomas, Robert R Alford, Alexander M Hicks, & Mildred A Schwartz, eds. The Handbook of Political Sociology : States, Civil Societies, and Globalization. Cambridge: Cambridge University Press.
Swedberg, Richard. 2007. Principles of Economic Sociology. Princeton: Princeton University Press. (Chapter “Politics and Economy”)
Clemens, Elisabeth S, & James M Cook. 1999. Politics and Institutionalism: Explaining Durability and Change. Annual Review of Sociology 25(1): 441–66.

Apresentação: Bruno Monteiro (Universidade do Porto)

Comentário: Ivo Veiga (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 6: 9 de Maio

Actores não Estatais

Clemens, Elisabeth. 1997. The People's Lobby: Organizational Innovation and the Rise of Interest Group Politics in the United States, 1890-1925.
Skockpol, Theda. 2002. Protecting Soldiers and Mothers.The Political Origins of Social Policy in United States
Fine, Ben. 2008. Social capital versus social history. Social History 33 (4): 442-467.

Apresentação: Ana Paula Pires (IHC-FCSH/NOVA; Universidade de Stanford)

Comentário: Margarida Portela (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 7: 16 de Maio

Políticas Públicas

Amenta, Edwin. 1998. Bold Relief: Institutional Politics and the Origins of Modern American Social Policy. Princeton: Princeton University Press
Dye, Thomas R. 2013. Understanding Public Policy 14ª ed. Harlow (England): Pearson Education Limited
Godin, Benoît. National Innovation System: The System Approach in Historical Perspective. Project on the History and Sociology of STI Statistics, Working Paper No. 36. Montreal: INRS.
United Nations Millennium Declaration

Apresentação: Tiago Brandão (IHC-FCSH/NOVA)

Comentário: Cristina Rodrigues (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 8: 6 de Junho

Desporto, turismo e história

Huggins, Mike. 2013. Sport, tourism and history: current historiography and future prospects. Journal of Tourism History 5(2): 107-130.
Higham, James & Tom Hinch. 2009. Sport and Tourism: Globalization, mobility and Identity. Butterworth-Heinemann
Walton, John K. 2005. Histories of Tourism: Representation, Identity and conflict (Tourism and Cultural Change), Multilingual Matters

Apresentação: Cândida Cadavez (ESHTE; IHC-FCSH/NOVA) e Rita Nunes (Comité Olímpico de Portugal; IHC-FCSH/NOVA)

Comentário: Alcino Pedrosa (IHC-FCSH/NOVA)

 

Sessão 9: 20 de Junho

Herança Cultural, Globalização e Desenvolvimento

Smith, Laurajane. 2006. Uses of Heritage, Routledge, New York
Walsh, Kevin. 1992. The Representation of the Past: Museums and Heritage in the Postmodern World, Routledge, London/New York

Apresentação: José Vale (IHC-FCSH/NOVA)

Comentário: Graça Filipe (IHC-FCSH/NOVA) e Alexandre Monteiro (IAP; IHC-FCSH/NOVA)

 

O seminário é dirigido primariamente aos membros do grupo ESPI e outros investigadores do IHC-FCSH/NOVA.