Francisco Bairrão Ruivo

Doutor/a

Biografia

Investigador Integrado do Instituto de História Contemporânea da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, doutorado em História Contemporânea com a tese “Spinolismo: viragem política e movimentos sociais”, galardoada com o Prémio Fundação Mário Soares – EDP 2014 pela contribuição para o estudo da história portuguesa do século XX.

Áreas de Investigação

Trabalha o processo revolucionário de 1974-1975 e questões relacionadas com a sua representação, a memória e os movimentos sociais, bem como, a questão colonial, pós-colonial e o processo de descolonização. O trabalho recente tem passado, ainda, por investigação para televisão e cinema, organização de exposições e de ciclos de cinema e o projecto educativo Livro Livre sobre a memória do processo revolucionário destinado ao público escolar.

 

Publicações destacadas

  • Ruivo, Francisco Bairrão. Spínola e a Revolução. Do 25 de Abril ao 11 de Março de 1975. Lisboa: Bertrand, 2015. [link]
  • Ruivo, Francisco Bairrão. Livro Livre. Lisboa: Edição Lupa Design, 2014. [link]
  • Ruivo, Francisco Bairrão, “O 25 de Abril? O que é o 25 de Abril?,” in O Eterno Retorno. Estudos em homenagem a António Reis, coordenado por Maria Inácia Rezola e Pedro Aires Oliveira, 599-616. Liaboa: Campo da Comunicação, 2013.

Projectos principais

 

CONTACTOS

Instituto de História Contemporânea Faculdade de Ciências Sociais e Humanas Universidade NOVA de Lisboa   //   Av. Berna, 26 C 1069-061 LISBOA   //   Tel.: +351 21 7908300 ext. 1545   //   Email: ihc@fcsh.unl.pt

HORÁRIO

2.ª a 6.ª feira 10.00h - 13.00h // 14.00h - 18.00h

Pesquisa

Share This
X